Menu

sábado, 23 de fevereiro de 2019

Nossa visita à pacata cidadezinha alemã de Harburg

Ainda em terras da Baviera, a cerca de 160 Km da cidade de Füssen, onde havíamos iniciado o percurso pela Rota Romântica alemã, encontra-se a pequena Harburg, um antigo vilarejo medieval que surgiu nas proximidades de um castelo, cuja sabida existência vem do distante século XII.

Desta forma, o Castelo de Harburg corresponde a um dos castelos mais antigos do sul da Alemanha e uma das principais atrações da Rota Romântica. Localizado em uma parte mais elevada do que a cidade, ele pode ser visto de vários pontos do vilarejo.

Harburg. Na parte alta da cidade, vê-se uma parte do seu castelo.

A maioria dos turistas, no entanto, acabam pulando a cidade e conhecendo apenas o castelo. Realmente, há muito pouco para se ver em Harburg além do seu castelo. Mas, em compensação, você pode visitar o centro da cidade em um piscar de olhos.

No nosso caso, Harburg foi a cidade onde escolhemos nos hospedar na nossa segunda noite pela Rota Romântica, de modo que foi inevitável conhecê-la mais de perto. E exatamente por ser menos turística do que outras cidades da rota, acabamos tendo uma experiência bem mais autêntica. 


Chegamos ao vilarejo ao final do dia, vindos da nossa visita a Landsberg am Lech. Àquela hora, já bem próximo do por do sol, a cidade parecia deserta. Enquanto procurávamos nosso hotel, localizado exatamente no centro, não víamos uma única alma viva. Portanto, se você curte uma vida noturna mais agitada, hospedar-se em Harburg não será a melhor opção.

Chegando a Harburg ao final do dia

Não que as outras cidades da rota sejam agitadas, mas Harburg é uma típica cidadezinha do interior da Alemanha, onde seus poucos habitantes se recolhem à noite, deixando as ruas desertas. Até mesmo restaurantes são difíceis de encontrar. E, mesmo durante o dia, são poucos os transeuntes.

Por sorte, o nosso hotel era também um restaurante (o único, aliás, que vimos na cidade). Ficamos no Hotel-Restaurant Straussen. Nosso quarto era, na verdade, em um prédio anexo, no primeiro andar (sem elevador). Mas o quarto era super espaçoso e confortável. 

Nosso hotel em Harburg


Ao acordar no dia seguinte, antes de seguir ao Castelo, passeamos um pouco pelas poucas ruas da cidade. A ponte de pedra que liga a parte antiga à parte mais nova de Harburg é um ótimo lugar para fotografar, apreciar o rio que corta o vilarejo e avistar o castelo no alto.

Passeando por Harburg


Não parece, mas esta rua está sobre uma ponte de pedra...


Que passa sobre este rio...


E interliga o centro a parte mais nova da cidade

Já passara das nove horas da manhã

Mas a cidade continuava parada


Inclusive no centro

O castelo sempre surge no campo de visão lá no alto
E típicas casas alemãs adornam a cidade

Chegou, então, a hora de fazer o check out no hotel e seguir direto com o carro para o castelo, de onde já continuaríamos pela Rota Romântica.

Chegando ao Castelo de Harburg

Castelo de Harburg


Na parte externa do Castelo de Harburg, há um amplo estacionamento, onde é possível parar o carro gratuitamente. A visita, no entanto, é paga e pode ser dividida em duas:

1. Entrada à área ao ar livre no interior da muralha - custa 3 euros

2. Visita ao interior do castelo, através de um tour guiado que sai a cada hora e dura exatos 60 minutos - custa apenas 4 euros

Nós pretendíamos fazer o tour guiado, mas perdemos o primeiro que saíra às 10 horas. Portanto, teríamos que aguardar o próximo às 11 horas, o que, somado ao tempo de duração da visita, nos faria sair do castelo ao meio-dia. Como ainda tínhamos muito a conhecer naquele dia, não deu para esperar.

Mas adoramos percorrer a parte externa do castelo. Não tem como duvidar dos muitos anos da sua construção. Sua arquitetura entrega sua idade e transporta o visitante para uma antiga Harburg, talvez, muito mais movimentada do que a atual.

Área externa do castelo
Poço antigo


Infelizmente, não deu para conhecer o interior
Mas adoramos explorar a parte externa




Da muralha do castelo dá para se ter uma ótima vista da pequena cidade lá embaixo. Não deixe de conferir.

Apreciando Harburg do seu castelo


Lá embaixo, vê-se a ponte de pedra que havíamos percorrido mais cedo

E a cidade até pareceu maior do que pensávamos

O Castelo de Harburg funciona diariamente das 10 às 17h. Para maiores informações, visitar o site oficial da atração. 

Do castelo, continuamos pela Rota Romântica rumo ao norte. Seria nosso último dia na famosa estrada alemã.





OBS:
1. Os preços indicados neste post correspondem aqueles em vigência na época da viagem. Recomendo pesquisar novamente os valores das atrações na época da sua viagem.

2. Este post não recebeu nenhum tipo de patrocínio

Nenhum comentário:

Postar um comentário