Menu

domingo, 15 de abril de 2018

Conhecendo Ortakoy e Arnavutkoy, dois charmosos bairros de Istambul

Durante minhas pesquisas para montar o roteiro que faríamos em Istambul, acabei me deparando com dois bairros da cidade, um pouco mais distantes da efervescência turística, que me chamaram a atenção e que fiz questão de incluir no nosso itinerário: Ortakoy e Arnavutkoy.

Localizados na margem européia do Estreito de Bósforo, os dois bairros, além de super charmosos, ficam exatamente de frente para as águas do estreito. Ortakoy é mais movimentado e é o bairro de onde sai a famosa Ponte de Bósforo no lado europeu de Istambul. Arnavutkoy é bem mais tranquilo e tem um ar bem mais residencial, com pouquíssimos turistas (quase nenhum, na verdade) em suas ruas.

Visitamos os dois bairros na tarde do nosso segundo dia na cidade. Naquele dia, já havíamos percorrido o Palácio Topkapi, o Grande Bazar e já havíamos atravessado a Ponte Gálata em direção a Karakoy. E foi, após passear um pouco por este último bairro, que resolvemos seguir ao norte rumo, primeiro a Ortakoy e, depois, a Arnavutkoy.

Ortakoy

Arnavutkoy

O mapa abaixo mostra a localização dos dois bairros:

Circulado, no mapa, está o bairro de Ortakoy. Percebam que Arnavutkoy fica mais ao norte. Já os bairros de Eminonu e Karakoy, mais centrais, estão bem distantes. 


Como chegar a Ortakoy?

Exatamente por serem bairros mais afastados, será mais difícil acessar tanto Ortakoy quanto Arnavutkoy de transporte público. Afinal, nem o metrô nem o tram passam por lá, nos restando a opção de ir de ônibus.

Para chegar a Ortakoy, basta pegar a linha T1 do tram a partir de Eminonu ou Karakoy em sentido à estação Kabatas, a última da linha, onde se deve descer. Na mesma avenida da estação (que fica exatamente no meio da avenida), você deve seguir para a parada de ônibus e pegar a linha 22 ou a 25E. O ônibus seguirá sempre em frente, bastando descer na parada de Ortakoy.

Passeando por Ortakoy

Ortakoy é um bairro movimentado às margens do Bósforo, com vários restaurantes e um fluxo contínuo de pessoas que nos pareceram tratar-se mais de habitantes locais do que de turistas.

Na sua orla, é possível ver uma mesquita (a Mesquita de Ortakoy) e ter uma excelente vista da Ponte de Bósforo.

A Mesquita de Ortakoy


A mesquita fica nas margens do Bósforo


A Ponte de Bósforo pode ser apreciada a partir de Ortakoy. Do outro lado, a Ásia.


Afinal, a sua extremidade européia se inicia exatamente neste bairro

Na nossa visita, nos concentramos mais na parte do bairro próxima à orla. Aproveitamos para almoçar em um dos muitos restaurante que encontramos por lá e passamos um tempo apreciando o vai e vem dos turcos.

Passeando por Ortakoy



















Percebemos também que há um pequeno porto em Ortakoy, de modo que parece ser possível acessar o bairro também de barco. Nos portos de Eminonu ou Karakoy, mais centrais, você pode procurar saber sobre a disponibilidade e os horários de barcos até Ortakoy.

E, por falar em barcos, o bairro  também pode ser visto de outro ponto de vista: a partir da navegação pelo Estreito de Bósforo, um dos passeios mais populares entre os turistas que visitam Istambul


Como chegar a Arnavutkoy?

Para acessar Arnavutkoy, retornamos ao mesmo ponto de ônibus onde havíamos descido em Ortakoy e pegamos a mesma linha de ônibus (22 ou 25E). O trajeto, agora, foi mais curto considerando a proximidade entre os dois bairros.

Passeando por Arnavutkoy

Ao contrário de Ortakoy, este é um bairro muito menos movimentado (quase parado, para ser sincero). Na verdade, ele tem toda a cara de bairro apenas residencial. Mas o que chama a atenção é a bela arquitetura dos seus prédios de frente para o Bósforo, diferente da arquitetura de outros bairros da cidade.

Chegando à tranquila Arnavutkoy, também às margens do Bósforo

As típicas construções de Arnavutkoy



Adoraríamos morar em uma destas casas e viver por estas ruas









Os prédios de Arnavutkoy de frente para o Bósforo


Confesso que amaria morar e viver ali em Arnavutkoy, onde o agito de Istambul parece dar uma trégua à paz e à tranquilidade.

Entrando mais um pouco pelo bairro, percebe-se que todos os prédios mantém o mesmo padrão e alguns poucos restaurantes vão dando a cara. Só não exploramos ainda mais, pois o bairro vai se estendendo por colinas e não estávamos com disposição para subi-las.

Preferimos ficar pela orla, apreciando o Bósforo e a parte asiática da cidade na margem oposta.

Na orla de Arnavutkoy


O Bósforo


A parte asiática de Istambul na margem oposta do Bósforo

Da mesma forma que Ortakoy, Aranavutkoy também pode ser vista durante o passeio de barco pelo Bósforo.



OBS:
1. Este post não recebeu nenhum tipo de patrocínio

Nenhum comentário:

Postar um comentário